Bem-vindo à Fortaleza de Santo Amaro

sbnews-foto-20170126-01

Foi realizando no dia 24 de janeiro de 2017, às 20h00, no Teatro Municipal de Guarujá, com presença da ABVC SANTOS, um evento que visa preparar a Fortaleza de Santo Amaro para a pretendida titulação de Patrimônio da Humanidade.

A Participação da ABVC SANTOS, representada no evento por seu Vice-Presidente, o Sr. Maximilian Immo Orm Gorissen, aconteceu em decorrência de um convite recebido do Cel. Elcio Rogerio Secomandi, principal palestrante, autor do livrete comemorativo da Fortaleza de Santo Amaro e organizador, junto com a ABVC, de dois passeios pelos fortes em 2016.

Para que a inserção da Fortaleza de Santo Amaro e do Forte de São João como patrimônio da Humanidade possa virar realidade, é fundamental o envolvimento da sociedade com estes patrimônios.

VP ABVC SANTOS, Maximilian Immo Orm Gorissen (a direita) e o palestrante, Cel. Elcio Rogerio Secomandi (esquerda).

VP ABVC SANTOS, Maximilian Immo Orm Gorissen (a direita) e o palestrante, Cel. Elcio Rogerio Secomandi (esquerda).

Os passeios da ABVC, como o Cruzeiro Forte São João e o passeio náutico realizado ao Forte dos Andradas em 2016, são exemplos de como a ABVC, em conjunto com os órgãos da prefeitura do Guarujá e da marinha, podem promover a participação da população e o envolvimento da sociedade para alcançar a pretendida titulação.

Durante o evento, para a comemoração dos 434 anos do mais expressivo conjunto arquitetônico-militar do Estado de São Paulo, foram distribuídos parte dos mais de 5.000 exemplares do livrete “Bem-Vindo à Fortaleza de Santo Amaro”, de distribuição gratuita.

O livrete, na versão digital, encontra-se disponível em diversos sites especializados em fortificações coloniais (links abaixo).

Um pouco de história… a Fortaleza de Santo Amaro há 434 anos…

Na longínqua tarde de 24/01/1583, troaram os canhões de três naus de guerra da Invencível Armada espanhola e dois navios corsários ingleses, numa batalha naval nas proximidades da embocadura do Estuário de Santos onde, outrora, ficava o trapiche de atracação da Capitania de São Vicente.

sbnews-foto-20170126-02
Palestrante, o Sr. Elcio Rogerio Secomandi

Este fato histórico está materializado em ambos os lados da barra do estuário: o “padrão português de posse da terra”, na margem direita (Santos) e a Fortaleza de Santo Amaro, na margem esquerda (Guarujá).

A “certificação de nascimento” do mais expressivo conjunto arquitetônico-militar do Estado de São Paulo encontra-se no Archivo General de Indias, Sevilla (Charcas 41, Doc 27), em carta do Almirante Diego Flores Valdés – “Capitão Geral das Costas do Brasil”, no início do período de união das coroas ibéricas – ao rei Felipe II de Espanha/Felipe I de Portugal. Na página 6 consta o pedido do capitão-mor de São Vicente, Gerônimo Leitão, para que fosse construído um “fuerte”: “… conforme la trata que para ello dio Bautista Antonelli El yngieniero q Vm. Ymbio para los fuentes de destrecho”.

434 anos depois… este exuberante Patrimônio Histórico Nacional abriga o Museu Histórico “Fortaleza da Barra”, administrado pela Prefeitura Municipal de Guarujá (Lei Ordinária 1422/2014 e Decreto 11900/2016); faz parte do Sistema Brasileiro de Museus (Decreto nº 8.124, de 17 de outubro de 2013 – regulamenta Leis que tratam do Estatuto dos Museus e do Instituto Brasileiro de Museus) e, por fim, consta da Lista Indicativa/2015 do governo do Brasil para concorrer ao título de Patrimônio da Humanidade pela Unesco (2020/2025).

Para saber mais….

www.secomandi.com.br/fortalezadabarra aba do site educacional sobre Fortes e Fortalezas.

www.unisantos.br/fortifications para visitas virtuais às fortificações que permeiam o vasto perímetro do Brasil e outras, mundo afora.

Texto e fotos: VP ABVC SANTOS, Maximilian Immo Orm Gorissen

Sobre ABVC

Este é o Blog da ABVC - Associação Brasileira de Velejadores de Cruzeiro, onde são divulgadas as novidades e notícias de seu interesse. Divulgue e participe !
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>